Stefânia (Carol Duarte) em "O Sétimo Guardião" / Foto: Divulgação Gshow.


A TV Globo recebeu recentemente uma nota de repúdio por conta de uma cena exibida na novela O Sétimo Guardião. A sequência que gerou revolta foi exibida na noite do último sábado, 24 de novembro. As informações são da jornalista Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

O Conselho Federal de Fonoaudiologia não gostou de ver a personagem Stefânia (Carol Duarte) ficar curada de uma gagueira ao ser estrangulada por Sampaio (Marcello Novaes). Eles consideraram o momento exibido na trama impossível de acontecer na vida real.

“Apesar de sabermos que a obra é ficcional, a cena veiculada é bastante equivocada e desrespeita, de maneira irresponsável, os sujeitos que apresentam gagueira”, diz um trecho da nota enviada para a emissora.

CENA CONDENADA.


O QUE VEM POR AÍ NA TRAMA


Em O Sétimo Guardião, novela da faixa das 21h da Rede Globo, Eurico (Dan Stulbach) ficará em dúvida após receber uma proposta tentadora de Valentina (Lilia Cabral).

Nos próximos capítulos da trama, Valentina irá propor um acordo com o prefeito de Serro Azul e deixará o marido de Marilda (Letícia Spiller) tentado. A vilã falará que dará uma antena de telefonia celular para a cidade em troca do casarão de Egídio (Antonio Caloni).

“Desapropriar o casarão de Eurico… E dar pra você?!”, questionará o prefeito, surpreso com a proposta. “Já lhe falei pra não ficar repetindo o que eu disse! E depois não é dar, é doar! Existe um “O” no meio disso tudo que faz uma enorme diferença entre essas duas palavras”, dirá Valentina. “Talvez. Mas tanto faz dar ou doar… Não sei se posso fazer alguma dessas coisas”, dirá Eurico.

“Claro que pode. O prefeito pode fazer tudo! É só decretar o imóvel de utilidade pública”, sugerirá a megera. “Até aí tudo bem. Mas depois disso… Entregar pra você? É quase uma apropriação indébita! Os vereadores não vão gostar e os eleitores menos ainda”, afirmará o prefeito de Serro Azul. “Quanto aos vereadores eu não sei. Mas quando os eleitores souberem que o prefeito conseguiu uma antena de celular pra cidade e junto com ela uma repetidora de tevê…”, falará a mãe de Gabriel (Bruno Gagliasso).

“Isso também está no pacote?”, questionará Marilda, animada com a ideia. “É claro! Uma coisa puxa a outra! Eu e Olavo podemos conseguir o pacote completo. Já pensou? Todo mundo aqui na cidade vendo a novela das nove, que, aliás, está ótima? Sua administração vai ficar na história! Você vai poder passar o trono, quer dizer, a cadeira de prefeito para o seu filho e depois para o seu neto e seu bisneto”, argumentará a vilã. “Eu não devia nem cogitar isso por razões que não vêm ao caso, mas sua proposta é tentadora”, falará Eurico, que ficará em dúvida do que fazer.