Tatá Werneck / Foto: Reprodução Internet.


A ideia de apresentar, nas noites de quinta-feira, episódios do "Lady Night", talk show da Tatá Werneck exibido originalmente no Multishow, foi uma grande bola dentro da programação da Globo.

Correspondeu à expectativa, em audiência e repercussão nas redes sociais. E ela vem que vem aí de novo.

O "Lady Night" tem seu retorno assegurado à televisão aberta no dia 23 de janeiro ficando ao ar até 23 de julho, totalizando 26 episódios com o melhor da 3ª e 4ª temporada do programa de entrevistas.

Além disso, o começo de ano da Globo também terá outras estreias importantes.

No dia 5, estreia mais uma temporada do "The Voice Kids". E, depois, no dia 7 de janeiro a exibição de "Auto da Compadecida""Madiba" tomam conta da noites da Globo, dia 14 a emissora apresenta uma minissérie especial do "Chacrinha", além de "BBB" e "Fora de Hora", humorístico que estreiam dia 21 de janeiro. 

Sobre "Madiba", a produção narra a história de Nelson Mandela, quando foi preso, julgado e condenado no início da década de 1960. São seis episódios. Laurence Fishburne faz o papel principal. 

A série é baseada nos livros autobiográficos "Conversations with Myself" e "Nelson Mandela By Himself", com direção de Kevin Hoods.