SBT exibe sua “Retrospectiva 2019” nesta segunda-feira, 30 de dezembro, à meia-noite. Roberto Cabrini apresenta o ano de narrativas contundentes, mostrando quem deu as cartas, quem ganhou e quem perdeu no ano que está acabando através de personagens reais. O programa falará sobre mulheres que lutam por justiça através da comovente história das vítimas. Na guerra pelo poder, o telespectador acompanha como a milícia age e se torna a principal força no Rio de Janeiro. A atração fala sobre crimes sem solução em casos que marcaram o ano como o de MarielleAgatha e outras histórias de violência e impunidade.

Cabrini recorda Brumadinho, do momento do acidente até hoje, além de outros acidentes que poderiam ser evitados como o vazamento de óleo no litoral brasileiro. Ainda sobre polêmicas, o caso Neymar Najila, dos bastidores do encontro à decisão da justiça. O jornalista relembra o caso Daniel, a primeira entrevista de Alana Brites, o massacre de Suzano, a Amazônia como centro de discussões mundiais sobre meio ambiente, o escândalo do vazamento de dados e informações nas redes sociais, além de fazer um balanço do primeiro ano de governo de Jair Bolsonaro e das eleições e revoluções mundo afora. A Retrospectiva fala ainda do adeus a Gugu Liberato e outros famosos que deixarão saudade.