Ana Maria Braga anunciou nesta sexta-feira, 24/4, no Encontro com Fátima Bernardes, que se recuperou do câncer de pulmão. A apresentadora passou por um PET scan, um exame de imagem que permite o mapeamento de diferentes substâncias químicas radioativas no organismo, após sua quarta sessão de quimioterapia, e os médicos ficaram surpresos com o resultado.

"Fui fazer os exames para saber em que pé tava, se tinha dado certo. Ontem, quando terminei o PET scan, o pessoal que participou do exame de imagem, saiu aplaudindo. Comparando meu exame da primeira vez para ontem, sumiu tudo!", disse a apresentadora.

Fátima Bernardes e Louro José comemoram a notícia e a apresentadora seguiu contando quais serão os próximos passos de seu tratamento, que começou em janeiro: "Agora, saio de uma quimio e faço um tipo diferente de quimio, faço uma imunoterapia, que é colocar instrumentos para que seu próprio organismo crie os anticorpos. Continuo fazendo o tratamento para garantir que todas as células foram embora. Já parto para a comemoração da vida."

Mesmo sofrendo com o câncer pela quinta vez, a apresentadora do Mais Você falou que sempre se manteve positiva e tinha certeza que ia se curar da doença: "Ontem, eu saí daqui e falei: 'Tenho certeza'. Sabe quando a certeza é uma coisa da alma?", detalhou Ana, que ainda falou sobre a parceira de seu marido, o francês Johnny Lucet.



"No dia que fiz meu primeiro PET scan, o John, meu marido, estava comigo muito emocionado na sala e falei: 'I'll survive' (eu vou sobreviver, em inglês). Foi a primeira coisa que disse a ele. Não sei se ele acreditou muito porque ele continuou chorando [risos]. Parece que as coisas foram desenhadas, estou sem a minha família, sem as minhas crianças e sem meus amigos e ele tem sido um parceiro maravilhoso."

Após se curar mais uma vez de um câncer de pulmão, Fátima perguntou se Ana Maria conseguiu parar de fumar. A apresentadora garantiu que sim.

"Eu nunca parei, na verdade. Tentei uma vez, o remédio me fez muito mal, fui até parar no hospital de madrugada porque tive uma reação muito forte. Mas, agora, parei! Dessa vez, eu consegui. Estou num recorde de audiência do cigarro. Ninguém aqui em casa fuma, a única louca era eu", relatou Ana, que afirmou que, assim que for liberada para viajar, irá para Fátima, em Portugal, agradecer.