A jornalista Luana Borba, que faz parte do rodízio de apresentadores do Jornal Nacional aos sábados, anunciou nesta sexta-feira (1º) que testou positivo para Covid-19. Ela está afastada de suas funções na Rede Amazônica, afiliada da Globo em Manaus, há uma semana e não tem data para retornar ao trabalho.

A última aparição de Luana Borba na bancada do Jornal Nacional foi em 15 de fevereiro. Além de compor o rodízio de jornalistas que comandam o noticiário mais visto do país, ela é âncora e editora-chefe do JAM2, principal telejornal da Globo em Manaus.

Luana, que já apresentou o JN, disse que tem bronquite asmática e sentiu falta de ar. Ela foi orientada a procurar um médico devido ao sintoma mais grave.

Segundo a jornalista, a tomografia mostrou que ela estava com 25% do pulmão comprometido. Borba ainda comemora estar há 2 dias sem sentir falta de ar e segue em isolamento domiciliar.

Além de Luana, o repórter Luciano Abreu também testou positivo para doença, mas já está fora do período de transmissão.