A jornalista Débora Bergamasco é a grande cotada para assumir o lugar de Rachel Sheherazade no SBT Brasil. A atual âncora do principal jornal da emissora de Silvio Santos está com o contrato prestes a vencer e a tendência é de que não seja renovado, por isso a cúpula do SBT já procura uma substituta, tendo a ex-Poder em Foco como a mais bem avaliada neste momento, mesmo tendo uma relação passada com governos petistas.

Segundo informações apuradas pelo site NaTelinha, Débora é muito bem quista entre os diretores do SBT e tem a aprovação de Silvio Santos, além de ser bem relacionada com todas as camadas do meio político. Isso seria um fator que a diferencia de Sheherazade, desgastada na relação com a emissora desde que se posicionou contrária à gestão de Jair Bolsonaro e comprou diversas brigas nas redes sociais por causa disso, com direito até a sofrer ameaças.

A direção do SBT quer a todo custo evitar novas confusões entre o jornal e o patrão, que já chegou a cancelar uma exibição do SBT Brasil, após notícia crítica à administração de Jair Bolsonaro.

Para evitar novos conflitos, a emissora busca um nome que seja a antítese de Rachel e é justamente nisso que Débora Bergamasco larga na frente. Bastante discreta, ela praticamente não aparece no Twitter, local de maior confusão entre jornalistas e políticos atualmente. No Instagram, a jornalista costuma fazer registro da vida pessoal e de trabalho, sem manifestar opiniões sobre temas relevantes. Ainda que tenha em seu currículo um cargo na gestão do PT, ela acabou marcada por grande reportagem contra a administração petista.

Procurada, a assessoria de imprensa do SBT informou que não comenta assuntos internos.