O SBT realizou nesta terça-feira, 27 de outubro, a coletiva de imprensa virtual da campanha AACD Teleton 2020. Estavam presentes, os padrinhos Eliana e Daniel, os padrinhos digitais Celso Portiolli e Maisa Silva, a diretora do programa Norma Mantovanini, o CEO do SBT José Roberto Maciel, além dos executivos da AACD, o CEO Valdesir Galvan e o superintendente de Marketing e Relações Institucionais, Edson Brito. Mediada por Marcelo Torres, foram abordados as novidades da 23ª edição do Teleton, o formato conectado aos tempos atuais e as adaptações para seguir as medidas de prevenção da Covid-19. "No ano mais imprevisível, estamos aqui reunidos pela importância da solidariedade. Esse projeto segue como a maior campanha da solidariedade, 880 mil atendimentos nas 9 unidades pelo Brasil. Sem a AACD milhares de famílias perdem a esperança de um futuro melhor", abriu o mediador Marcelo Torres

A madrinha Eliana relatou a importância de ajudar os que precisam num ano tão complicado: "o que eu mais aprendi nessa pandemia foi que, mesmo à distância, a gente pode fazer a diferença na vida das pessoas. Mesmo sem dar aquele abraço, podemos passar carinho através de uma palavra, um áudio, uma doação. Esse é o nosso grande desafio para o Teleton 2020. Vamos apresentar histórias e artistas à distância, mas tenho certeza que isso não vai fazer diferença quando a gente fala de amor e de estender a mão para colaborar com quem precisa mais". E também complementou sobre a dinâmica do programa e meta: "serão 10 histórias ao longo da nossa jornada, ao longo de mais ou menos 10 horas, aonde poderemos vivenciar o que essas famílias estão passando. Se a gente precisava todos os anos, desta vez a gente precisa ainda mais. Estamos unidos com garra e fé. Não temos uma meta esse ano, mas a nossa meta é o amor, incondicional", completou a madrinha. 

Daniel, que estava em sua residência em Brotas, falou que distanciamento não será um problema para esta edição: "tenho a honra de dizer que participo desta história há 23 anos. A distância não vai atrapalhar em nada. Esse grande aprendizado fez a gente colocar a mão na consciência e ver que somos muito pequenininhos, não fazemos nada sozinhos. A essência é a mesma e tenho certeza que vamos obter um resultado muito positivo"

A madrinha digital Maisa Silva comentou que uma de suas maiores preocupações no início da pandemia foi como a AACD reagiria neste momento: "uma das minhas maiores preocupações foi com a AACD, além da minha família, claro. Eu tenho o privilégio de ficar na minha casa e me proteger e proteger as pessoas em volta de mim. Mas e os pacientes que precisavam ir até a AACD? Eu fiz 18 anos e não fiz festa, mas fiz uma live e pedi doações para a AACD. Vi uma mobilização de jovens e de marcas e percebi um otimismo que seria essencial para esse ano".

Celso Portiolli, padrinho digital, relembrou o quanto foi importante ter as versões digitais nos anos anteriores: "quero parabenizar todo o pessoal por redesenhar o Teleton e levar a quem está em casa. A sorte - e acho que isso é uma coisa de Deus - é que a AACD e o SBT focaram no digital há dois anos. No ano passado tivemos o digital de novo, não tão grande como o primeiro, mas veio uma pandemia e mudou toda forma de trabalhar. O digital mudou a vida das pessoas e tenho certeza que as doações serão muito importantes. Os gamers também terão um papel muito importante". 

A Campanha AACD Teleton 2020 precisou se reinventar para seguir os novos protocolos devido à pandemia da Covid-19. O grande momento da maratona de solidariedade, transmitida diretamente dos estúdios do SBT, em São Paulo, terá diversas novidades neste ano, com atrações musicais e participações especiais de artistas e influenciadores. Será em 7 de novembro, com flashes a partir das 7h e o evento, ao vivo, das 10h30 às 20h30, com apresentadores que se revezarão no palco do SBT. Além de todo o elenco da emissora, a programação da 23.ª edição contará com a participação das madrinhas Eliana e Maisa e dos padrinhos Daniel e Celso Portiolli, além de grandes nomes da música brasileira, como Ivete Sangalo, Vitor Kley, Leo Chaves, Toquinho, Bruno e Marrone, Gustavo Mioto, Marilia Mendonça e Luan Santana. A música-tema desta edição será Pra Ser Feliz, do cantor Daniel.

Neste ano, pela primeira vez na história, as pessoas podem fazer doações pelo 0500 durante quatro meses. A campanha teve início em setembro e até 31 de dezembro os números estarão disponíveis (informações completas, com todos os canais de doação, abaixo). Além disso, o digital está tendo um papel fundamental, promovendo diversas ações de engajamento que contribuem para a captação de recursos. Além da live inédita, realizada no início desse mês, na semana que antecede o Teleton na TV haverá uma ação com diversos gamers engajados na causa da pessoa com deficiência. 

Para gerar engajamento e audiência de arrecadação para a campanha, o SBT Games vai realizar a maior ação beneficente com gamers já feita no Brasil, serão oito dias de lives com mais de 120 horas de entretenimento digital com a participação de mais de 70 personalidades, como publishers, pro players, streamers, jogadores de futebol, organizações de E-Sports, youtubers, entre outros convidados. No dia que antecede o evento, em 6 de novembro, a partir das 19h será realizada a Liga Teleton, uma noite de jogos virtuais com gamers e influenciadores com algum tipo de deficiência física.

No dia 7 de novembro, a partir das 19h, também será apresentada uma live no canal do Youtube do SBT, apresentada por Maisa, Yudi Tamashiro, Priscilla Alcantara, entre outros. O público poderá entrar ao vivo no programa, interagir com os apresentadores e concorrer a prêmios. A transmissão também acontecerá pelo canal 500 da Claro TV.

Outra novidade neste ano é que não haverá meta de captação. A AACD e o SBT optaram por seguir dessa maneira devido à crise econômica proveniente dos impactos da Covid-19.

"Diante do cenário que estamos vivendo, essa certamente é uma das campanhas mais importantes de toda a história de 70 anos da AACD. Afinal, a crise nos trouxe um gap financeiro de cerca de R$ 50 milhões, fazendo nossa necessidade de captação saltar de R$ 80 milhões para R$ 130 milhões neste ano. Por isso, contamos muito com a colaboração de todos os que puderem doar e ajudar a não deixar os nossos pacientes sem os tratamentos que tanto precisam", diz Edson Brito, superintendente de Marketing e Relações Institucionais da AACD

"O compromisso esse ano será muito maior e complexo, é poder realizar o Teleton com a questão do distanciamento, tendo que se adaptar a essa nova realidade e sempre com o compromisso de conseguir ajudar com os recursos necessários para que a AACD mantenha sua atividade. É muito importante que o público continue apoiando esse projeto, ainda que esse ano de uma maneira diferente, mas sempre com a mesma preocupação para que a AACD de fato continue cumprindo com o seu papel", relata o CEO do SBT José Roberto Maciel.

Os parceiros já confirmados até o momento na Campanha AACD Teleton 2020 são Assaí, BB Seguros, Drogasil, Hipercard, Riachuelo e Votorantim.



FAMÍLIA SÍMBOLO

É por meio das histórias de vida de pacientes que a AACD consegue mostrar a realidade do amplo trabalho que realiza no Brasil. Para esta campanha, dará destaque à trajetória da Mariana de Oliveira, de 38 anos, e seu filho Dudu, de 9 anos. Com doença de Crohn, Mariana teve uma perfuração intestinal seguida de infecção generalizada que causou necrose. Ao completar um ano da amputação das pernas e mãos, Mariana estava em pé e realizando as tarefas junto a seu filho Dudu. “Meu filho nasceu com mielomeningocele e acompanho desde pequeno sua reabilitação na AACD, vejo o cuidado dos terapeutas. Quando chegou a minha vez de precisar de tratamento, sabia que queria ir para a Instituição, pois eles estão preparados para receber não só quem nasce com deficiência, mas também quem adquire alguma”.


Assista ao vídeo da campanha: https://www.youtube.com/watch?v=8_Expn0Ktgg



COMO DOAR



Pelo 0500:
0500 12345 05 – Para doar R$ 5,00
0500 12345 20 – Para doar R$ 20,00
0500 12345 40 – Para doar R$ 40,00

- R$ 0,39 por minuto, chamadas terminais fixos + Impostos

- R$ 0,71 por minuto, chamadas terminais móveis + Impostos

Pelo 0800: 0800 770 1231

- Doações mínimas de R$ 5,00 pode ser feitas via cartão de débito ou crédito. Valores a partir de R$ 10,00 podem ser pagos por boleto, que é enviado via e-mail.

Por SMS:

Envie mensagem para o número 30265 com a palavra Teleton.

Você receberá uma mensagem para acessar o link da Pagtel

Neste link você menciona o valor a ser doado e a forma de pagamento

Os pagamentos podem ser feitos através de cartão de crédito ou boleto


BONECOS

Tonzinho ou Nina – R$80,00
Tonzinho + Nina – R$150,00

*Os bonecos podem ser adquiridos pelo Site, 0800 ou SMS



Sobre a AACD 

Fundada em 1950, a AACD possui uma infraestrutura completa dedicada à reabilitação e habilitação de pessoas com deficiências físicas e necessidades ortopédicas – composta por um hospital ortopédico, oito unidades de reabilitação e cinco oficinas para fabricação de produtos ortopédicos. Em 2019 realizou mais de 880 mil atendimentos especializados para pacientes de todas as idades, via SUS, particular e convênios, entregou 61 mil produtos ortopédicos e fez cerca de 7.500 cirurgias ortopédicas. Conta ainda com o Lar Escola SF, a área de Ensino e Pesquisa, que dissemina os conhecimentos adquiridos ao longo de sua história aos profissionais de todo o País, e com a AACD Esporte, que contribui, por meio da prática esportiva, para a inclusão da pessoa com deficiência. Acesse: aacd.org.br



Sobre o Teleton

O Teleton é uma campanha de captação de recursos da AACD. A transmissão do programa é realizada pelo SBT e pela Rede da Solidariedade, composta por diversos canais de comunicação. O objetivo é sensibilizar e mobilizar a população em prol da causa da pessoa com deficiência e arrecadar recursos para o tratamento e reabilitação dos pacientes da instituição.



Sobre o SBT

Em 19 de agosto de 1981, foi inaugurado o Sistema Brasileiro de Televisão. Considerado o canal da família brasileira, o SBT cobre 194 milhões de telespectadores e 64 milhões de lares. Atualmente conta com 110 emissoras em todo país com 24 horas de programação diversificada com participação em de 16% em audiência na Grande São Paulo e 15% da audiência no Brasil. O complexo do SBT tem uma área total de 230.000m² com 74.000m² de área construída. Conta com oito estúdios, somando uma área de mais de 4.400 m² e uma cidade cenográfica de 6.500 m². O SBT é referência em produções infantis e programas de auditório proporcionando o bem-estar da família. 


Fontes: Kantar IBOPE Media –MW –Grande São Paulo e Regiões Metropolitanas (15 Praças) –Dados Domiciliares (Shr%) –Faixa 24 Horas –Jan a Jul/19 / Kantar IBOPE Monitor (29 Praças) –Dados brutos, sem desconto –Total TV aberta -Jan a Mai/17 / Atlas de Cobertura SBT.




Curta nossa página