A média de 16,1 pontos dos três primeiros capítulos de 'Gênesis' é o melhor resultado inicial de uma novela da RecordTV desde 'Os Mutantes - Caminhos do Coração', exibida entre junho de 2008 e março de 2009, com 18,3 pontos.

Baseada no livro homônimo da Bíblia, a produção tirou alguns pontos do 'Jornal Nacional' e de 'A Força do Querer' na Grande São Paulo, principal área de aferição do Ibope. Esses dados influenciam a distribuição de verbas publicitárias dos grandes anunciantes.

Na Record TV, a expectativa é de que 'Gênesis' possa repetir o fenômeno de público de 'Os Dez Mandamentos' (2015/2016), o folhetim bíblico que impôs sucessivas derrotas à rival Globo no horário mais nobre e caro da televisão brasileira. Chegando a ficar 10 pontos na frente da emissora carioca.

'Os Dez Mandamentos' começou tímida: só conseguiu a média inicial de 'Gênesis' no quarto mês de exibição. A partir daí teve ascensão rápida e chegou a marcar média semanal de 24 pontos na etapa final. Importante considerar que, na época, a Globo tinha uma novela problemática no ar, 'A Regra do Jogo'.

Tão importante quanto os números é o efeito psicológico. 'Gênesis' fez as redes sociais e o 'boca a boca' falarem mais da Record TV. Essa repercussão - com ênfase na eventual ameaça à poderosa Globo - se torna valioso marketing viral.

Como se sabe, o canal da família Marinho possui incontáveis fãs, mas também numerosa torcida contra. As vitórias de 'Os Dez Mandamentos' sobre a concorrente eram festejadas na internet e garantiram espaço privilegiado para a Record TV na mídia.

Após uma série de novelas 'mornas' nos últimos anos, um novo frenesi é tudo o que precisa a emissora do bispo Edir Macedo. Resta verificar se 'Gênesis' resistirá às emoções da fase final da reprise de 'A Força do Querer' e do retorno de 'Amor de Mãe', que terá os 23 capítulos da segunda temporada exibidos a partir de março.



Curta nossa página